Pense Verde na história: 5 exemplos de arquitetura sustentável

em

Com certeza você já ouviu diversas vezes sobre o termo arquitetura sustentável, que também é conhecida como arquitetura verde ou ecoarquitetura, e assim sendo, logo vem à cabeça imagens de casas com design futurista, teto solar, reaproveitamento de água, etc. Mas apesar de ser um termo moderno, este tipo de prática já existe há centenas, ou até milhares, de anos. Dê uma olhada nos exemplos a seguir e você vai descobrir que mesmo sem tecnologia a humanidade sempre foi capaz de conviver com a natureza sem agredi-la.


1- A casa de turfa escandinava

Iceland-Keldur-turf-house.JPG

Quando os vikings colonizaram a Islândia, há mais de 1.000 anos, trouxeram consigo seus costumes, tradições e, claro, sua arquitetura (com adaptações). A casa de telhado de turfa foi inventada com base na necessidade: o clima difícil e a pouca disponibilidade de materiais de construção comuns. Com paredes de pedra ou madeira e telhados de turfa (isso mesmo, grama!), esse tipo de construção parece bastante com as casas dos hobbits de “O Senhor dos Anéis”. Seu design, apesar de antigo, é reproduzido até nos dias de hoje, como se pode ver em vários locais da Islândia e outros países da Escandinávia.


2- O moinho de vento

moinho-de-vento.jpg

Bem conhecida, este tipo de construção foi inventado na Pérsia há mais de 3.000 anos, e se tornou comum por todo o mundo desde então. Usados para moer grãos e bombear água pra fora do solo, é um dos primeiros exemplares conhecidos de arquitetura que usa força eólica. De uma forma simples, mas eficiente, o vento gira as enormes hélices que, através de um eixo, dava “vida”  a mecanismos que normalmente tinham a função de triturar os grãos de trigo.


3- O aqueduto romano

102014404_univ_lsr_xl.jpg

Os romanos eram famosos por sua arquitetura, e sempre que conquistavam uma nova província, uma construção marcava seu domínio: o aqueduto. Importantíssimo para o desenvolvimento do império, moviam a água usando apenas a força da gravidade, atravessando grandes distâncias e levando-a para suas cidades. Comportas e tanques de distribuição regulavam o fluxo e a disponibilidade de água para seus destinos. Até mesmo sistemas de esgoto funcionavam de maneira parecida. Prova de sua confiabilidade e eficiência é de que muitos aquedutos construídos por Roma estão em uso até hoje.


4 – Cidades Gregas Antigas

atenas-719305414.jpg

A fim de economizar lenha e outros recursos, já que nos meses mais frios o clima grego pode se tornar bem rigoroso, várias cidades gregas foram construídas dispondo as casas de forma a captar o máximo possível dos raios solares, principalmente durante os meses de inverno. Suas casas também utilizavam vidro nas janelas a fim de manter a luz e o calor do sol.


5 – Os Jardins Suspensos da Babilônia

animation-hanging-gardens-of-babylon_1-770x437

Ainda hoje se discute se os míticos jardins existiram de fato ou não. Tudo o que se sabe sobre eles vem de relatos antigos escritos pelos gregos, mas isso não impede diversos historiadores e arqueólogos de tentar localizar suas possíveis ruínas. Segundo os textos, foram construídos na Babilônia pelo rei Nabucodonosor, e consistiam em seis terraços um acima do outro, apoiados por colunas imensas e povoados por inúmeras plantas de diversos tipos e tamanhos, formando um gigantesco jardim botânico, com direito até a cascatas. Sua irrigação era feita por escravos que, através de roldanas e baldes, enchiam constantemente piscinas e tanques nos andares superiores, distribuindo a irrigação como rios artificiais.


Gostou da nossa lista? Curte arquitetura sustentável? Quer ver mais matérias como essa? Então segue nossa página do Insta em @modapenseverde, e não esquece de se inscrever na nossa newsletter!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s